Palestra sobre o cenário político

Palestra da cientista social e política Elis Radmann sobre a revolução digital e sua influência no comportamento da sociedade, em mais uma edição dos Cenários, Expectativas e Oportunidades, promovido pela UCPel.

Durante a palestra Elis apresentou os principais indicadores do comportamento da sociedade, destacando a ampliação do individualismo e a negação da política. O antidoto está no resgate e na recontextualização da política. Segundo a cientista social e política,  “para fazer isso temos que rever o nosso comportamento e o nosso envolvimento com a política”.

– Ter consciência do que é o jeitinho brasileiro (que é quando se tenta resolver um problema ou uma tarefa utilizando um subterfúgio, burlando regras, ou utilizar redes de contato para tirar vantagem);

– Ter interesse por política, buscar informações sobre o que está acontecendo;

– Acompanhar o desempenho dos candidatos que votou mandando mensagens quando alguma ação não está em acordo com o que foi prometido;

– Trocar ideias, debater. Significa que temos que ver as diferentes perspectivas sobre o tema, verificando os interesses que estão em jogo;

– Ter um ativismo político ou engajamento digital, se envolvendo com os movimentos da sociedade civil organizada como: renovabr.org, agoramovimento.com ou movimentoacredito.org;

– Engajamento ou participação política (envolvimento em entidades representativas, sindicatos, associações ou partidos);

– Cuidar para ter empatia, tolerância, solidariedade para ampliar o sentimento de pertencimento e comunidade.

Se cada um de nós fizer um “pouquinho” em prol do bem comum, estaremos salvando a política e o resultado dessa ação irá repercutir e influenciar no comportamento e nas práticas dos partidos e dos políticos.

UCPel realiza mais uma edição do Cenários, Expectativas e Oportunidades

O impacto que o atual perfil comportamental das pessoas tem no panorama político foi um dos temas abordados no Cenários, Expectativas e Oportunidades. A edição deste ano, realizada na última quinta-feira (10), apresentou um apanhado geral das perspectivas para 2020. O futuro da educação e as alterações geradas pela reforma trabalhista também foram debatidas.

Posted by Universidade Católica de Pelotas – UCPel on Friday, October 11, 2019

No Comments

Post A Comment

© 2016 IPO - Todos os direitos reservados